Diretor: 
João Pega
Periodicidade: 
Diária

Fernando Mendes comemora 56 anos com plantação de uma árvore na Mata do Bussaco


Monday, 11 March 2019

Antes da apresentação da peça “Insónia” no Cineteatro Municipal Messias, na Mealhada, Fernando Mendes esteve na Mata Nacional do Bussaco, no dia 9 de março, para deixar o testemunho da sua passagem na Avenida dos Cedros. O ator e apresentador do programa da RTP1 “Preço Certo” comemorava 56 anos na mesma data, tendo-se revelado bastante satisfeito pelo convite da Fundação Mata do Bussaco e por ter tido oportunidade de plantar a primeira árvore da sua vida.

Fernando Mendes juntou-se a um vasto leque de figuras públicas que têm vindo à Mata Nacional do Bussaco para plantar uma árvore. O ator e apresentador plantou um azereiro (Prunus Lusitanica) na mesma área onde também podem encontradas as árvores de Pedro Abrunhosa, Aurea, Fafá de Belém, Rui Reininho, José Cid e Marco Paulo.

Sem nunca antes ter visitado a Mata do Bussaco, Fernando Mendes revelou-se bastante satisfeito por ter deixado um legado “numa floresta pública que é lindíssima e majestosa”. O ator lançou o convite àqueles que, como ele, não conheciam a Mata do Bussaco para a visitarem, manifestando também o “total apoio à candidatura que a Fundação Mata do Bussaco está a preparar à classificação deste magnífico espaço como Património Mundial da UNESCO”, considerando ser “de toda a justiça que isso aconteça”.

Tal como refere a Fundação Mata do Bussaco em nota de imprensa, “a iniciativa das plantações de árvores por figuras públicas nacionais e estrangeiras, por autarcas e por empresários de vários setores de atividade visa, por um lado, contribuir para a reflorestação do Bussaco e, por outro lado, dar um sinal aos portugueses da necessidade de todos contribuirmos para a preservação do meio ambiente”.

As plantações, como a que foi feita por Fernando Mendes, inserem-se no projeto de reflorestação “Criar Raízes”, desenvolvido pela FMB na Mata Nacional do Bussaco, o qual pretende também contribuir para que a Mata alcance a distinção de Património Mundial da UNESCO.

Lembramos que a Mata do Bussaco foi elevada a floresta nacional há um ano e que a Fundação Mata do Bussaco, entidade gestora, detém a certificação FSC (esquema de certificação internacional entregue aos responsáveis pela conservação ambiental e desenvolvimento sustentável das florestas).

Fotografia: Da esquerda para a direita: Guilherme Duarte, vice-presidente da Câmara Municipal da Mealhada, António Gravato, presidente da Fundação Mata do Bussaco, funcionário da Mata do Bussaco, e Fernando Mendes, ator e apresentador.